Querido PAI*

  tenho saudades tuas. não de como estavas, imóvel, seco e ao tono da vida, a respirar porque te ajudavam. tenho saudades das tuas histórias, de como as contavas de formas diferentes para que tomássemos atenção. tenho saudades das tuas pernas arqueadas e do barulho que fazias ao arrastar os chinelos. tenho saudades dos objetos […]

Read More Querido PAI*